As mulheres lidam naturalmente com a vaidade, a beleza, o desejo de permanecerem jovens atraentes e sensuais. Com os homens, mesmo nos dias de hoje com o culto ao corpo, isto não acontece tão livremente, mas homem é vaidoso, sim senhor. Para eles o mercado já dispõe de produtos de beleza específicos como cremes e xampus, além de tratamentos estéticos especiais como massagens, depilação, manicure e podólogo.

Na cirurgia plástica, começaram fazendo pálpebras, nariz, lipo e, finalmente chegaram ao silicone. É isto sim que você acaba de ler. Os homens agora, também podem ficar com peitorais avantajados (turbinados por que não?) sem passar horas na academia. A cirurgia de implante de próteses peitorais no homem tem ênfase diferente do que ocorre com as próteses femininas. A diferença básica entre o implante masculino e o feminino é o formato .O peito do homem não tem a mesma forma da mama da mulher. Para os peitorais masculinos, o implante utilizado é retangular (e foi desenvolvido especificamente para isto), diferente dos formatos utilizados para mamas femininas, que podem variar muito. A consistência também varia, pois o objetivo do homem é aumentar o músculo e não a glândula mamária, sendo implantes mais firmes para conferir aquele grau de naturalidade buscado dentro da cirurgia plástica.

A prótese peitoral masculina surgiu da necessidade de tratar pessoas que tinham a síndrome de Poland, no qual os músculos peitorais não se desenvolveram.

Para falar em próteses peitoral, temos que considerar dois aspectos básicos: o estético e o reparador. Os implantes de silicone para peitoral masculino são indicados para a situação de hipotrofia (músculos pouco desenvolvidos) da musculatura peitoral, na qual não há resposta aos exercícios físicos e concomitante desejo do paciente em aumentá-los, ou nos casos de deformidades congênitas ou adquiridas que comprometam a musculatura peitoral.

Nos casos de deformidades congênitas, como ausência do músculo peitoral, alterações ósseas do esterno ou costelas, freqüentemente o tratamento deva ser multidisciplinar. É o que acontece com os casos de pectus excavatum (há uma depressão no centro do tórax), pectus carinatum (popularmente conhecido como peito de pombo) e alguns casos de Síndrome de Polland (ausência de parte ou todos os músculos peitorais) que apresente alterações ósseas importantes onde o cirurgião plástico trabalha em conjunto com cirurgião torácico para que os melhores resultados estéticos e funcionais possam ser obtidos.

Apesar de, o implante de peitoral ser um produto relativamente novo no Brasil, nos EUA não é, já caiu “no gosto” do americano e muitas das estrelas com peitorais salientes conhecidas por aqui, têm este tipo de implante. Às vezes associados com implantes de bíceps e tríceps. Não acreditou? É isto ai mesmo, também dá para deixar os braços malhados sem esforço. Freqüentemente feitos no mesmo procedimento.

Técnica/Cicatriz: A prótese pode ser colocada através de uma incisão próxima da axila, geralmente escondida nos pelos e ficará situada abaixo do músculo grande peitoral a fim de projetá-lo para frente. A anestesia é local com sedação.

Leave a Reply